GPL, MAT E IGAE SOLICITADOS PARA IMPUGNAR CONCURSO PÚBLICO DO GPL 2021

GPL, MAT E IGAE SOLICITADOS PARA IMPUGNAR CONCURSO PÚBLICO 2021 

Desde o dia 14 de Janeiro de 2022 que o Governo da Província de Luanda (GPL), o Ministério da Administração do Território e (MAT) e a Inspecção-Geral da Administração do Estado (IGAE) se encontram no silêncio perante uma denúncia que receberam, de forma oficial, de trabalhadores da Administração Municipal de Viana, solicitando impugnação dos resultados do concurso público 2021, que permitiu o ingresso e enquadramento, violando a lei, como se de uma primeira vez se tratasse, de funcionários daquela Administração que, para serem enquadrados numa categoria superior, “zeraram” o passado que tinham com o Estado.

De acordo com a referida denúncia a que o Portal “A DENÚNCIA” teve acesso, funcionários da Administração de Viana solicitam que se cumpra a lei, porquanto o despacho da governadora da Província de Luanda, Ana Paula de Carvalho, n.º 382/GAB.GPL/2021, de 12 de Julho, terá sido violado pelo director do Gabinete do Administrador Municipal Matias Capapelo, com envolvimento directo dos senhores Edmáuro Cardoso, Chefe de Secção de Gestão de Carreiras no Gabinete dos Recursos Humanos, João Francisco Alexandre, Assessor Jurídico do Administrador Municipal, e Carlos Sarombela, director do Gabinete Jurídico e Apoio às Comissões de Moradores, que também foi membro da Comissão Técnica e em simultâneo candidato ao referido concurso, que permitiram o ingresso de pessoas que não correspondiam aos requisitos exigidos por lei.

O Portal “A DENÚNCIA” está a acompanhar o desenrolar desta denúncia e a obter dados sobre a razão do silêncio do Governo da Província de Luanda, do Ministério da Administração do Território e da Inspecção-Geral da Administração do Estado.

 

Carlos Alberto

http://adenuncia.ao

1 Comentário

  • Tem que dar continuidade a esta vergonhosa situação… As coisas têm que tomar o rumo certo e os esquemas têm que acabar, para além de se agir com firmeza e guardar atrás das grades quem voltar infringir a lei. Chega de rebaldaria…

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado.

ENVIAR MESSAGEM
Estamos online
Ola podemos te ajudar??